O médico Nivaldo Luís Rodrigues, o Dr. Nivaldo, anunciou neste domingo (23) sua saída do Podemos de Nova Odessa. Pré-candidato a prefeito, o médico assumiu o comando da sigla em dezembro do ano passado.

Entre os motivos que justificam a saída, a importância do alinhamento do grupo do partido na cidade. “As pessoas que compõe esse partido tenham afinidades entre si, porque uma vez eleitos, todos do partido irão tomar decisões conjuntas e será uma convivência de 4 anos ou mais.”, diz a nota.

A vereadora Carol Moura, que foi presa em flagrante e é desafeto público do médico, faz parte do Podemos.

Leia abaixo a íntegra da nota:

“NOTA IMPORTANTE

O entendimento é que precisamos estar em um partido político para concorrer a um cargo eletivo é claro e lógico.

É muito importante que o candidato, seja alinhado com o estatuto do partido ao qual pertence, para defender suas estratégias de gestão para a comunidade.

É importante também que as pessoas que compõe esse partido tenham afinidades entre si, porque uma vez eleitos, todos do partido irão tomar decisões conjuntas e será uma convivência de 4 anos ou mais.

Na busca da decisão correta a ser tomada, para eventual disputa de uma eleição, que hoje me coloco como pré-candidato a Prefeito de Nova Odessa, a escolha do partido é uma das mais importantes etapas dessa decisão.

Por isso:

HOJE DECLARO QUE NÃO FICAREI NO PARTIDO “PODEMOS”, estou analisando algumas propostas de outros partidos, e certamente eu e minha equipe vamos escolher a melhor sigla para, com a melhor equipe, com os melhores apoios, construir o melhor projeto de gestão para o nosso município.

Você concorda comigo?

Você tem alguma opinião?

Venha comigo se manifeste, deixe aqui sua opinião.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *